Psicóloga Carla Navarro Baltazar Feijoo

CRP 06/60596

 

Atendimento psicoterápico à crianças, adolescentes, adultos e terceira idade. Psicodiagnóstico, Psicoterapia, Orientação Vocacional, Ludoterapia, Coaching de Vida e de Carreira. 

 

Protagonizando o seu "Livro da Vida"...

ebe615987d674c4861e66c217d432079c34fa5881349c2c5600f29a19ae6931f (1).png

Em meio à correria diária, desempenhamos – muitas vezes de forma inconsciente - o papel de protagonistas da nossa própria historia no Livro da Vida.


Nosso livro é único, e nele interagem a todo instante nosso passado, presente e futuro. Em suas páginas conciliamos amor, trabalho, relógio, família, estudo, amigos (ufa!), e a cada amanhecer somos desafiados a dar continuidade à nossa história… 

 

Com personagens peculiares e capítulos singulares, ora repletos de amor, dilemas, lembranças, cenas metafóricas; ora repletos de encontros, desencontros, reencontros, música, poesia, saudade, amizade, temos como pano de fundo cenários que fascinam e emocionam, cheios de idealizações, sonhos, desejos, idéias, frustrações, fatos, perguntas e respostas… Perguntas sem respostas…

 

Como protagonistas ou coadjuvantes, a qualquer instante podemos reeditar a nossa história e recolori-la com as mais belas nuances. É importante termos consciência desse nosso poder de ressignificarmos e transformarmos nosso aqui-agora.

 

Quando a tensão do nosso aparelho psíquico aumenta, contamos com a parceria do nosso sábio inconsciente, que através da linguagem corporal sinaliza o momento de pararmos, repensarmos, ressignificarmos, e resgatarmos os nossos mínimos pedaços, onde quer que tenhamos nos esquecido.

 

Depende exclusivamente de nós fazermos as pazes com a pessoa que já fomos algum dia, ou com a pessoa que queremos ser. E nada como o tempo, a paciência, e a motivação para ressignificarmos sentimentos, imagens, comportamentos, ou acontecimentos que nos atrapalham, a fim de nos tornarmos pessoas melhores a cada amanhecer!

 

Somos o que acreditamos e pensamos ser, e precisamos perceber que a felicidade está onde nós estamos, e não aonde costumamos colocá-la. Vocês já perceberam como, em alguns momentos, levamos pequenas coisas tão a sério que em um segundo corremos o risco de arruinarmos nossas vidas? 

 

Devemos nos lembrar que a vida não é uma emergência, e sim uma dádiva feita de escolhas. Pequenas, grandes, simples ou complexas, peculiares em relação aos prós e contras, e que sempre possuem 50% de chance de darem certo.

 

Bem, mas voltando ao Nosso Livro… Algumas páginas da nossa vida são cheias de surpresas. Há capítulos de alegrias, capítulos de tristezas… Há mistérios e fantasias, sofrimentos e decepções. Por isso, não rasgue páginas e nem pule capítulos. Não se apresse para descobrir os mistérios. Não perca as esperanças, pois muitos são os finais felizes.

 

E lembre-se do principal: no seu Livro da Vida, o principal autor é Você!!! 

​Carla Navarro Baltazar Feijoo